Voltar
O Desafio de compor para violão e orquestra, por Elodie Bouny

O Desafio de compor para violão e orquestra, por Elodie Bouny

2021

Resumo: Escrever para violão solista e orquestra representa um desafio para os compositores. A presente tese põe em foco algumas das questões referentes a esse desafio. Por natureza, o violão é um instrumento que dificilmente consegue se sobressair à frente de uma orquestra, mas isso não impediu uma ampla produção do gênero, sobretudo depois da segunda metade do século XX. Por meio de análises de obras compostas para tal formação, esta pesquisa propõe estratégias que possam facilitar a escrita para violão solista e orquestra, objetivando valorizar o timbre do primeiro e estabelecer um equilíbrio sonoro entre ambos. A escolha das texturas orquestrais é primordial para superar o desafio proposto, assim como um conhecimento técnico de diversas áreas, desde a escrita para orquestra até a questão da amplificação do instrumento. É apresentada ainda uma obra composta pela autora (Nodus), originada da pesquisa e dos resultados recolhidos e analisados ao longo do processo. A questão da presente tese pode se resumir com a pergunta seguinte: quais são as estratégias de escrita que valorizam o timbre do violão solista junto à orquestra? E como superar o desafio de compor para violão e orquestra?

Título: Nodus: O Desafio De Compor Para Violão E Orquestra
Autor: Elodie Bouny
Orientador: Professor Doutor Antonio Jardim
Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2019

Ajude a preservar a memória da nossa cultura e a riqueza da música brasileira. Faça aqui sua doação.